Truque de mestre (Now you see me)

Pessoalmente adoro o nome original do filme, mas acho que traduzido ao pé da letra para português poderia ficar estranho e talvez a maioria das pessoas não pegasse o sentido (ou não, vai saber). Assisti ao filme nesse domingo, e aqui vai o veredicto: achei massa, ó. Não avaliei os termos técnicos, mas as sensações que o filme me passou. Os diálogos acontecem rápido e a interação dos atores é muito boa. E lá vem a sinopse:

Daniel Atlas (Jesse Eisenberg) é o carismático líder do grupo de ilusionistas chamado The Four Horsemen. O que poucos sabem é que, enquanto encanta o público com suas mágicas sob o palco, o grupo também rouba bancos em outro continente e ainda por cima distribui a quantia roubada nas contas dos próprios espectadores. Estes crimes fazem com que o agente do FBI Dylan Hobbs (Mark Ruffalo) esteja determinado a capturá-los de qualquer jeito, ainda mais após o grupo anunciar que em breve fará seu assalto mais audacioso. Para tanto ele conta com a ajuda de Alma Vargas (Melanie Laurent), uma detetive da Interpol, e também de Thaddeus Bradley (Morgan Freeman), um veterano desmistificador de mágicos que insiste que os assaltos são realizados a partir de disfarces e jogos envolvendo vídeos.

E o trailer, que é massa:

Olha, eu ADOREI as cenas com mágica e das surpresas. Ainda no começo do filme ele deixa no ar a possibilidade de um acontecimento bem óbvio que, em parte, se concretiza, mais uma surpresa. Eu adorei as atuações, gostei do clima que o filme passava, da fluidez dos acontecimentos. Eu me via ansiosa para a próxima cena, batendo o pé no chão.

Comentário idiota a parte: Jesse Eisenberg tá 1 fofo.

Catei uns reviews na internet e vi gente falando mal, por que muita coisa não fazia sentido e etc. Poxa, eu acho que posso estar enganada, mas o suficiente foi explicado no filme. Não estava com o senso crítico ligado (odeio fazer isso, estraga tudo). É um filme interessante de assistir SIM, mas é bom não esperar que grandes lições de vida sejam passadas através de um filme que serve para entretenimento e divertimento. É um filme de ação que te deixa animado. Ponto. Os caras são sacanas, tem o ego inflado e cometem crimes sem jamais serem pegos. Eu acho que é a surrealidade que faz tudo mais legal (e adoro personagens sacanas no geral, hue).

O governo é bem estúpido no filme, mas depois tem uma “explicação”. Justifica em parte, somente. Tem uns romances meio porcos mesmo, nesse ponto concordo com uma review que eu vi, mas não é nada que estrague o filme, sabe?

É isso aí. Não acho que sejam das horas da vida desperdiçadas, mas ganhas. Na dúvida, melhor assistir 😉

Cara, que cena legal.